Sites Grátis no Comunidades.net Criar um Site Grátis Fantástico
Bota masculina estilo tenis*

Como se vestir à francesa!

Este artigo é um Guest Post escrito por Laryssa Mariano Ela escreve para o blog da Farfetch Pra quem não conhece, a Farfetch é uma top empresa global que reúne mais de 300 Boutiques visionárias e oferece uma experiência de compra sem fronteiras e inovadora para os amantes da moda Quer publicar um Guest Post no Luxos e Luxos? Preencha nosso formulário na guia “Contato”, no menu superior

Dicas de uma mineirinha que trocou o Brasil pela Europa e hoje trabalha com moda em Londres!

Paris é o destino dos apaixonados – e dos fashionistas! Não é de hoje que a mulher parisiense é símbolo de estilo e elegância, inspirando mulheres ao redor do mundo O mais legal desse famoso “estilo francês” é que ele é simples, acessível e fácil de ser incorporado em qualquer guarda-roupa Todas as vezes em que fui à Paris, o que mais vi foram mulheres com roupas pretas, calças justas, vestidos e saias com comprimento mais longo e muito sapato baixo Em resumo: looks para o dia a dia

Talvez seja por isso que se vestir como uma francesa está tão na moda Um exemplo de popularidade é o sucesso de livros sobre o assunto: o “A parisiense“, de Ines de la Fressange (ex-modelo, ícone da elegância na França), e a febre do momento “How to Be Parisian Wherever You Are” (Como Ser Parisiense Onde Quer Que Você Esteja), de Caroline de Maigret Ines inclusive lançou recentemente uma coleção em parceria com a Uniqlo, que você confere aqui

Ines e sua filha na versão francesa de “A Parisiense” (A edição brasileira só traz as fotos de Nine)

É claro que as francesas não são todas iguais e não se vestem do mesmo jeito, mas existem algumas regras gerais que muitas implementam de um jeito ou de outro E aí, quer saber como se vestir feito uma parisiense? Primeiramente, mantenha a simplicidade e a elegância e confira essas dicas:

Nenhum mandamento é mais seguido pelas parisienses do que esse Foque em texturas e modelagens interessantes (de preferência em cores neutras), evite muitos “balangandãs” e corra de saias ou shorts muito curtos

Pode até parecer um pouco sem graça, mas as mulheres francesas usam muito preto (e cinza e branco) Se você é daquelas que ama uma estampa e uma cor bem chamativa, não abandone suas preferências! Mas se o objetivo é ficar com uma aura parisiense o preto tem que dar as caras

O cardigã é uma peça-chave no guarda-roupa francês e brasileiro Afinal, como não faz muito frio na terrinha, um cardigã de cor neutra mais escura (como preto ou azul marinho) consegue segurar o frio na maioria dos dias e ainda pode te salvar do ar condicionado gelado do escritório Prefira os cardigãs de tecidos mais grossos e mais estruturados, de preferência ligeiramente acinturados

Não preciso nem dizer que uma camisa branca de botões precisa estar presente no guarda-roupas de todas as mulheres, ainda mais se o objetivo é emular o estilo das francesas Para ficar ainda com mais cara de parisiense e dar um toque de inesperado, compre a sua na ala masculina, optando por linho ou algodãoModelos da Loucos Santos, Instagram loucosesantos e Werner Instagram wernercalcadosAssim como os sapatos com Decote V que prometem virar febre no inverno 2018 Modelo da Maithe Luxury Shoes Instagram maitheluxuryshoesProlas e EsferasAs prolas permanecem, assim como trabalhos com esferas. Escolha um tamanho pequeno (se você veste M, opte por uma masculina P, por exemplo), deixe a “calda” para fora da calça e enrole as mangas Pronto! Aura francesa instantânea!

Acessórios dão um up em qualquer visual (já dizia Carrie Bradshaw), mas o estilo parisiense usa joias e bijuterias com cuidado Menos acessórios (e de maior qualidade), focando em peças que tenham valor sentimental e contem uma história

More from my site

About Author

Celina Alves

Celina Alves é pedagoga, ex-modelo, fashionblogger, webjornalista de moda pela Universidade Belas Artes/SP e empresária – owner da Loja Luxos e Luxos – wwwlojaluxoseluxoscombr e colunista no portal Black Tie

Gostei muito das combinações Vou utilizar algumas, obrigado

on 30 de novembro de 2014 Responder

Olá Kitaani, que bom que gostou

on 1 de dezembro de 2014 Responder

Adorei o post Li o livro “A Parisiense” e agora quero ler “Como ser parisiense em qualquer lugar”

on 10 de novembro de 2014 Responder

Acredita que ainda não li, Betty, preciso ler os dois, todo mundo que lê, ama